Ouro Preto

É uma cidade histórica de Minas Gerais.
Localização no Mapa

Atrativos Turísticos

Montanha
Arquitetura Histórica
Arquitetura Religiosa
Mirante
Artesanato


Como Chegar

A cidade pode ser acessada pela rodovia BR-356, que começa em Belo Horizonte-MG e termina em São João da Barra-RJ.

Placa na chegada de Ouro Preto

Outro acesso é feito pela MG-129,
um trecho da Estrada Real que segue 65km até Conselheiro Lafaiete.

Placa para a Estrada Real, Lavras Novas, Ouro Branco e Conselheiro Lafaiete

A Cidade

Sua população estimada em 2010 era de 70.281 habitantes.

Imagem Aérea de Ouro Preto

Um detalhe notável é o seu relevo acidentado!

Um bairro embaixo e as torres no alto do morro de Ouro Preto

O município possui apenas 5% do seu relevo plano.

A cidade de Ouro Preto vista do mirante da UFOP

A altitude varia de 700 metros no bairro Amarantina e vai até mais de 1.600 metros em Antônio Pereira!

O Relevo acidentado e os morros de Ouro Preto

O São Sebastião é também, um dos morros mais altos da cidade.

Morro São Sebastião em Ouro Preto

O ponto mais alto é o Pico do Itacolomi, com 1.722 metros.

Pico do Itacolomi visto de Ouro Preto

Este relevo muito acidentado não favorece as atividades agropastoris.

Ouro Preto e Mariana vistos do alto do morro

Na região, caracterizam-se as indústrias extrativas de minério e pedras.

Extração de minério e pedras em Ouro Preto

O Clima, Tropical de altitude é característico das regiões montanhosas,
com chuvas durante os meses de dezembro a março.

Ouro Preto em um dia nublado

Ouro Preto abriga campos rupestres, matas de Araucária, florestas de candeias e possui grandes áreas remanescentes da Mata Atlântica.

A Mata Atlantica na região de Ouro Preto

A vegetação predominante de Ouro Preto é o cerrado.

Passaro Preto do Serrado em Ouro Preto

Escola de Minas

Ouro Preto abriga também a Escola de Minas, uma instituição de ensino superior de engenharia e arquitetura.

Escola de Minas - Ouro Preto

Escola de Minas - Ensino superior em Engenharia e Arquitetura

Ela se destaca no cenário nacional por ter sido pioneira na formação de geólogos.

Escola de Minas - Ouro Preto

Conta com as alas de astronomia, desenho, eletrotécnica, história natural, metalurgia, mineração, mineralogia, siderurgia e topografia.

Escultura de ferro - Ouro Preto

A coleção de metalurgia conta com um dos primeiros fornos elétricos a produzir aço e ferro-ligas na América Latina.

Escola de Minas - Antigo forno para produzir aço

Uma parte muito visitada na Escola de Minas é o mirante.

Placa para o mirante da Escola de Minas

O Mirante da Escola de Minas

Lá tem uma ótima visão da cidade

Ouro Preto visto do mirante da Escola de Minas

A História

Antes da chegada dos colonizadores de origem europeia no século XVI, toda a região de Minas Gerais era habitada por povos indígenas.

Pessoas fazendo pique-nique na Cachoeira das Andorinhas

A partir do século XVI, exploradores luso-tupis provenientes de São Paulo, os chamados bandeirantes, começaram a percorrer a região do atual estado de Minas Gerais em busca de ouro, pedras preciosas e escravos indígenas.

Figura de um escravo de Ouro Preto

No final do século XVII, finalmente foi descoberto ouro na região, aumentando ainda mais o afluxo de aventureiros nas redondezas.

Terra parecida com Ouro ou Ouro de Tolo

No final do século XVII o ouro mineiro começou a chegar a Portugal.

Uma antiga igreja no alto do morro em Ouro Preto

A sede insaciável do ouro estimulou muitos a deixarem suas terras e se meterem em caminhos ásperos como os das Minas.

Antiga casa com muro de pedras naturais

A Cada ano chegavam mais frotas de portugueses e estrangeiros que vieram para trabalhar nas Minas.

Pedra muito parecida com Ouro

Frades fugiam dos conventos, proprietários abandonavam plantações, procurando como loucos as terras do centro.

Casa popular de um bairro em Ouro Preto

O nome de "Ouro Preto" é devido a uma característica do mineral aqui encontrado na época: o ouro era escurecido por uma camada de paládio, dando-lhe tonalidade diferente da normal.

Terra com um brilho parecido com Ouro Preto

Em 1823, após a Independência do Brasil, recebeu o título de Imperial Cidade, conferido por dom Pedro I do Brasil.

Antiga vila de Ouro Preto

Assim, tornou-se oficialmente a capital da então província das Minas Gerais, e passou a ser designada como Imperial Cidade de Ouro Preto.

Praça Tiradentes - Ouro Preto

O início da ocupação do espaço urbano de Ouro Preto ocorreu com a formação de arraiais mineradores isolados.

Rua com casas históricas e antigas em Ouro Preto

A consolidação urbana e a presença efetiva da Coroa portuguesa se deu somente em meados do século XVIII com a construção dos Palácio dos Governadores.

Palácio dos Governadores visto a noite

Em 1897 foi decidida, então, a transferência da capital estadual para uma cidade planejada, a atual cidade de Belo Horizonte, que veio a ser inaugurada em 1897.

A cidade de Belo Horizonte

Esta a mudança da capital para Belo Horizonte provocou um esvaziamento da cidade e acabou inibindo o crescimento urbano da cidade.

Antigo muro robusto na cidade de Ouro Preto

Isso contribuiu muito para preservação do Centro Histórico de Ouro Preto.

Centro Histórico de Ouro Preto

O próprio tombamento da cidade faz parte do projeto de construção de nacionalidade brasileira, sendo o primeiro local do país considerado monumento nacional.

Casa histórica de Ouro Preto

Uma das características mais marcantes de Ouro Preto são suas igrejas construídas durante o período colonial brasileiro.

Igreja no centro de Ouro Preto

As igrejas barrocas e o casario colonial de Ouro Preto só voltaram a ficar evidenciados de forma positiva pelo movimento modernista, na década de 1920.

Igreja no estilo Barroco em Ouro Preto

Nesse momento, as obras de Aleijadinho e Mestre Ataíde passaram a ser vistas como manifestações primeiras de uma cultura genuinamente brasileira.

Ouro Preto - Igreja com cemitério em anexo

O Turismo

É uma cidade muito famosa por sua arquitetura colonial.

A Arquitetura Colonial presente nas ruas de Ouro Preto

A Rua dos Contos abriga os bancos da cidade

Foi a primeira cidade brasileira a ser declarada pela UNESCO, Patrimônio Histórico e Cultural da Humanidade, no ano de 1980.

A cidade de Ouro Preto visto do alto do morro

Atualmente, além das indústrias metalúrgicas, a economia de Ouro Preto depende muito do turismo.

Turistas tirando fotos em Ouro Preto

Tem uma vida noturna agitada com muitos barzinhos e restaurantes.

Churrascaria em Ouro Preto

O Bar Barroco é o mais famoso e tradicional da cidade, o bar é pra quem deseja tomar uns goles e conversar.

Bar Barroco - Ouro Preto

Várias lojas especializadas em doces, artesanatos e cachaçarias são atrações nas principais ruas do centro histórico.

Loja de doces em Ouro Preto

Cachaçaria em Ouro Preto

A rede hoteleira também corresponde à grande demanda turística da cidade.

Hostel em Ouro Preto

Há muitos hotéis, pousadas e hostel's disponíveis para quem for mesmo desprevinido.

Hotel em Ouro Preto

O Centro Histórico

Além de ser um "museu a céu aberto", a cidade tem instituições que guardam acervos variados.

Uma exposição de quadros antigos em Ouro Preto

O interior de uma casa histórica em Ouro Preto

O melhor jeito de passear no Centro Histórico de Ouro Preto é andando!

Pessoas andando nas ruas do centro histórico de Ouro Preto

Claro que, precisa de um pouco de disposição para subir as ladeiras!

Subindo as ladeiras de Ouro Preto

Algumas ruas oferecem corrimão nas calçadas para os mais necessitados.

Corrimão nas calçadas do centro histórico de Ouro Preto

Não tem como caminhar pelo centro sem sentir que realmente voltou ao passado.

Centro Histórico de Ouro Preto

Micro Onibus antigo em Ouro Preto

Passeando pelas vielas de Ouro Preto

Praça Tiradentes

A Praça Tiradentes é o ponto central e inicial para quem quer conhecer a cidade.

Monumento principal da Praça Tiradentes

Foi o local onde foi exposta a cabeça do mártir da independência, Joaquim José da Silva Xavier, o Tiradentes.

Ouro Preto - Praça Tiradentes

Antes era conhecida no século XVIII como Morro de Santa Quitéria. Durante quase todo o século XIX, chamou-se Praça da Independência.

Praça Tiradentes de noite

É o palco de grandes shows e apresentações importantes que acontecem na cidade.

Praça Tiradentes lotada de gente

Praça Tiradentes em dia de evento

Casa dos Contos

Um dos mais prestigiados monumentos atualmente é a Casa dos Contos.

Casa dos Contos - Ouro Preto

Ele é uma construção feita em estilo barroco mineiro.

O Interior da Casa dos Contos

Construções antigas em Ouro Preto

Construída entre 1782 a 1784, serviu inicialmente como residência a João Rodrigues de Macedo.

Ouro Preto - Casa dos Contos

Nessa mesma época, serviu como esconderijo para os membros da Inconfidência Mineira.

Entrando na senzala da Casa dos Contos

Entre 1820 a 1844, a casa foi ampliada, incorporando à Casa dos Contos a Casa de Fundição do Ouro e a Casa da Moeda.

A escada dentro da Casa dos Contos em Ouro Preto

O maior objetivo desta casa é preservar a historia do Ciclo do Ouro, e também, promover a cultura nacional.

Escultura de escravos em Ouro Preto

Lá estão exemplares de praticamente todas as notas antigas brasileiras.

Notas de dinheiro brasileiro antigas

Nota antiga de Cinquenta Cruzados Novos - Casa dos Contos - Ouro Preto

Nota antiga de Quinhentos Mil Cruzeiros - Casa dos Contos - Ouro Preto

Nota antiga de Mil Cruzeiros - Casa dos Contos - Ouro Preto

E moedas também.

Moeda de comemoração dos quinhentos anos

Moeda de cinco reais

Algumas raríssimas!

Moeda de comemoração ao centenário de Carlos Drummond de Andrade

Um lugar emocionante especialmente para os Brasileiros.

Rua dos Contos - Ouro Preto

Fachada da Casa dos Contos

As Igrejas

A Basílica Menor de Nossa Senhora do Pilar é uma das edificações católicas mais conhecidas entre as que foram erguidas durante o Ciclo do Ouro.

Ouro Preto - Igreja Nossa Senhora do Pilar

A Matriz Nossa Senhora da Conceição foi construída entre 1727 e 1746 e fica localizada entre duas praças: a Praça Barão de Queluz e a Praça Tiradentes.

Ouro Preto - Matriz Nossa Senhora da Conceição

A Igreja Nossa Senhora do Carmo foi construída entre 1766 e 1772 e a igreja era freqüentada pela aristocracia de Vila Rica.

Ouro Preto - Igreja Nossa Senhora do Carmo

A Igreja Nossa Senhora do Rosário teve sua construção iniciada em 1785, em substituição da primitiva capela que havia no mesmo local.

Ouro Preto - Igreja Nossa Senhora do Rosário

A Igreja de São Francisco de Assis foi construída em estilo rococó, que constitui uma etapa posterior, na evolução do barroco mineiro.

Ouro Preto - Igreja de São Francisco de Assis

A Igreja São Francisco de Paula foi construída entre 1804 e 1898, sendo a última igreja erguida no período colonial.

Ouro Preto - Igreja São Francisco de Paula

Turismo Ecológico

Além do forte conteúdo histórico mantido por Ouro Preto,
as belezas naturais também surpreendem!

Ouro Preto - Pedras da Cachoeira da Andorinha

Parque Cachoeira das Andorinhas

O Parque apresenta uma grande diversidade de paisagens representativas de mata atlântica e do cerrado.

Florzinha amarela com vermalha do cerrado

Folha vermelha da Mata Atlantica

Flor roxa da quaresmeira da Mata Atlantica

Flor amarela do cerrado

É um patrimônio natural de reconhecido também pelo seu valor paisagístico, devido às suas formações rochosas e conjunto de cachoeiras.

Fabrício e Fernanda na Cachoeira das Andorinhas - Ouro Preto

Á área da cachoeira possui uma cor avermelhada...

Cachoeira das Andorinhas - Ouro Preto

...devido à elevada quantidade de Minério na região.

Ouro Preto - Cachoeira das Andorinhas

Esta cachoeira é considerada a cabeceira do Rio das Velhas.

Cachoeira das Andorinhas vista de lado

Um dos atrativos dessa cachoeira são as grandes pedras soltas.

Pedras da Cachoeira das Andorinhas em Ouro Preto

Grandes pedras da Cachoeira das Andorinhas em Ouro Preto

Seu relevo permite a exploração nos altos e baixos da cachoeira.

Ouro Preto

Fissuras nas pedras da cachoeira em Ouro Preto

Uma das grandes surpresas da cachoeira é que a água desaparece no meio das pedras...

Cachoeira das Andorinhas - Ouro Preto

...e sua queda pode ser observada do outro lado, pelo interior de uma gruta.

Gruta na Cachoeira das Andorinhas - Ouro Preto

Os visitantes escutam o barulho da água e espiam a queda da água num grande buraco.

Pessoas na gruta da Cachoeira das Andorinhas - Ouro Preto

Ainda na cachoeira, dá pra ter uma visão privilegiada da Pedra do Jacaré.
Olha que doidera!!!

Ouro Preto - Pedra do Jacaré

COMENTÁRIOS

Linhas: 1

Mais Comentários

Foto do Visitante#1

Valmir De Almeida Montoni

- Irupi - 06/11/12

nossa!essa cidadee linda mesmo ja tive a oportunidade de conhecer.